2009: O tão esperado lançamento de No Line On The Horizon
5 de junho de 2016 · Especial U2 40 Anos
2009: O tão esperado lançamento de No Line On The Horizon
Postado por Joao Victor
03 Mar 2009, NEW YORK, NEW YORK, UNITED STATES --- epa01654289 Members of the band U2, from (L-R), Adam Clayton, Bono, the Edge, and Larry Mullen Jr., hold copies of a street sign for 'U2 Way' in New York, New York, USA, on 03 March 2009. New York City Mayor Michael Bloomberg temporarily renamed West 53rd street today in honor of the band's new album which is being released this week.  EPA/JUSTIN LANE --- Image by © JUSTIN LANE/epa/Corbis

A lacuna de quatro anos e meio sem novos álbuns serviu para aumentar o apetite dos fãs. Este, só viria a ser satisfeito em 2009.

Em fevereiro daquele ano, com o álbum já em fase de pós-produção, a banda apresentaria “Get on Your Boots” para o mundo, tocando-a em algumas apresentações, inclusive no Grammy:

The future needs a big kiss…

Eles também causariam tráfego ao fazer uma mini apresentação na BBC’s Broadcasting House, em Londres. Fariam ainda algumas paradas na TV americana, para o Late Night With David Letterman.

O resultado seria o U2 pela sétima vez em primeiro nas paradas dos Estados Unidos, e a décima no Reino Unido, ultrapassando as marcas de Madonna e Rolling Stones. Somente Elvis e The Beatles tinham conseguido mais que isso. Três nomeações ao Grammy aconteceram, e a revista Rolling Stone classificou o trabalho como o melhor álbum da banda desde “Achtung Baby”.

“No Line On The Horizon” se mostrou um trabalho maduro, capaz – em níveis infinitos – de criar rock em alta escala, como se é visto em “Magnificent”, “Stand Up Comedy” e “Breathe”. Mas também capaz de criar reflexões, resultadas após 30 anos de experiências, como “Moment of Surrender” e “White As Snow”.

Mas foi em 30 de Junho, 2009, Barcelona, o início do espetáculo de maior magnitude. A turnê 360°, devidamente nomeada, proporcionaria os mais imersivos concertos possíveis. Um revolucionário palco circular, pontes móveis, telões LED em forma de torre, e garras gigantes que pareciam saídas diretamente de uma página de um HQ vintage. The Claw fora o apelido mais famoso desta incrível estrutura. Spaceship e Space Station também. Os fãs estavam mais perto da banda do que nunca antes.

Entre os momentos memoráveis de 2009, com o U2 acima dos palcos, estava a homenagem à Aung San Suu Kyi, durante as performances de “Walk On”. Em 25 de outubro, na cidade de Pasadena, Califórnia, o U2 faria um show para um público presente de mais de 97 mil pessoas, mas seria assistido por mais de 10 milhões de pessoas ao longo do mundo, pois fora transmitido ao vivo pelo Youtube.

Ao todo, a consequência de tamanha produção seriam 110 shows. Um deles, no festival Glastonbury, transmitido para 30 países ao redor dos cinco continentes; três shows no Brasil. Por fim, mais de 7 milhões de telespectadores. Mas, mais detalhes a respeito dessa turnê estarão presentes nos próximos posts de nosso especial. Portanto, fiquem ligados! E, para não perder o conteúdo já publicado, clique aqui.


Compartilhar notícia